lafepe-medicamentoslafepe-medicamentos

Estado lança campanha de vacinação contra rubéola e poliomielite

No próximo sábado (09 de agosto), será lançada, em todo o Brasil, a Campanha de Vacinação contra a Rubéola, que pretende imunizar crianças menores de cinco anos e homens e mulheres com idade entre 20 a 39 anos. A Secretaria Estadual de Saúde (SES), com slogan “Vacinação virou programa de família”, vai iniciar oficialmente a campanha no Centro de Saúde Albert Sabin, no bairro da Tamarineira (zona norte do Recife), às 9 da manhã. No lançamento, acontecerá, simultaneamente, o início da segunda etapa do Dia Nacional de Vacinação contra a Poliomielite (a 1ª etapa ocorreu no dia 14 de junho), para crianças com até 5 anos de idade. Para dar início aos trabalhos, José, de 3 anos, filho do governador Eduardo Campos, receberá as primeiras doses. Até o dia 12 de setembro, as duas vacinas já estarão disponíveis, gratuitamente, em 5.272 postos (sendo 2.352 fixos) montados em todo o Estado.

Em Pernambuco, onde a meta é vacinar 95% da população, a campanha contra a rubéola vai ter como alvo principal a população de homens e mulheres com idades entre 20 e 39 anos, o que representa um público de 2.895.233 pessoas. De acordo com o Ministério da Saúde, é nessa faixa etária onde se encontra uma grande proporção de não-vacinados. Nesta campanha, a maior do mundo, os homens são o principal foco.

Para levar o público masculino aos locais de vacinação – já que a maioria desconhece que a vacina, também, é para os homens –, a Secretaria Estadual de Saúde (SES) montou uma parceria com a Secretaria Estadual de Esportes e fará mobilização em jogos do Campeonato Brasileiro realizados em Pernambuco. A primeira ação foi no embate entre o Náutico e o Figueirense, no último sábado, dia 02, no Estádio dos Aflitos. Além de faixas e cartazes percorrendo o estádio no intervalo do jogo, houve vacinação no local e 745 pessoas foram imunizadas.

Outra ação para divulgar a campanha de vacinação contra a rubéola já ocorreu, no Recife. A SES, por meio do Programa Nacional de Imunização (PNI), no dia 01 de agosto, esteve presente na Estação Central do Recife, no evento de abertura da Semana Mundial de Amamentação. Na ocasião, quem passou pela estação pode ser imunizado. Para incentivar as pessoas – principalmente os homens –, os jogadores de futebol Fumagalli, do Sport Clube Recife, e Alexandre, do Santa Cruz, marcaram presença no local.

Durante o período de 10 a 19 de junho, a SES capacitou todos os representantes das onze Gerências Regionais de Saúde, do Estado, para participarem da campanha e atuarem como multiplicadores em seus municípios. Os trabalhadores da saúde receberam orientações sobre a vacina, suas contra-indicações e o plano de trabalho.

A Campanha de Vacinação para a Eliminação da Rubéola e a segunda etapa da campanha de combate à poliomielite seguirão até o dia 12 de setembro – ao todo, serão cinco semanas. No calendário da campanha, o dia 30 de agosto está reservado como o dia central da mobilização, com ampla divulgação em todo o Estado.

Números – O Brasil tem o controle de doenças como a poliomielite e a varíola. Há mais de vinte anos, o país não apresenta casos de pólio ou paralisia infantil. Com relação à rubéola, o Brasil apresentou 506 casos até maio de 2008. Pernambuco registrou apenas um caso. O Ministério da Saúde investiu R$ 135,2 milhões na compra de vacinas e mais R$ 6 milhões na aquisição de seringas e agulhas para a campanha de vacinação contra a rubéola. Em Pernambuco, o material para a campanha já começou a chegar. Dois lotes de vacinas e mais de três milhões de seringas e agulhas já estão sendo distribuídos para os postos.

Segundo o Ministério da Saúde, o Brasil é o último país das Américas a participar do processo da erradicação da rubéola e, por isso, foi firmado um acordo durante a 44ª Reunião do Conselho Diretor da Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS) que decidiu eliminar a doença e a Síndrome da Rubéola Congênita (SRC), nas Américas, até o ano de 2010.

Contato: Virgínia Moura (coordenadora do Programa Nacional de Imunização em Pernambuco) – 8745-4022