lafepe-medicamentoslafepe-medicamentos

Lafepe é referência para o MS

As tecnologistas Zênia Maciel e Daiane Soares estiveram, nestas quinta e sexta-feira (22 e 23.03), nas instalações do Laboratório Farmacêutico do Estado de Pernambuco Governador Miguel Arraes – Lafepe. As servidoras do Ministério da Saúde vieram de Brasília cumprir visita técnica para verificação da tecnologia investida com a produção dos medicamentos: Olanzapina e Quetiapina. Esses psicotrópicos foram produzidos, pelo laboratório pernambucano, através de Parcerias para o Desenvolvimento Produtivo (PDP´s) e chegam à população através do Sistema Único de Saúde (SUS).
A verificação de impacto tecnológico, nos laboratórios públicos que desenvolvem PDP´s, é protocolo previsto pelo Ministério, quando o laboratório oficial está em fase de internalização de produção dos medicamentos desenvolvidos nesse perfil de parceria. As servidoras fizeram registros fotográficos e escritos para elaboração de um relatório que será submetido a um comitê deliberativo, vinculado ao Ministério da Saúde. Elas estiveram nas áreas segregadas e climatizadas de armazenamento, no setor de controle de qualidade, na produção de comprimidos, na área de tratamento de água e registraram o fluxo de sinalização.
Ao fim da visita, as representantes do Ministério da Saúde se reuniram com o presidente do Lafepe, Flávio Gouveia, e com outros gestores do equipamento. Zênia e Daiane declararam ter evidenciado considerável impacto de retorno positivo, através dos investimentos das PDP´s; tanto na estrutura física, como no protocolo documental. Ainda de acordo com as servidoras, o Lafepe está em nível de referência para o segmento, com incremento tecnológico e profissional que o habilita a pleitear novos projetos, com o reconhecimento e apoio do Ministério da Saúde.