lafepe-medicamentoslafepe-medicamentos

Secretário do Ministério da Saúde elogia estrutura do Lafepe

O secretário da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde (SCTIE/MS), Marco Antonio Fireman, esteve na sede do Lafepe na manhã desta segunda-feira, dia 12, onde foi recebido pelo diretor-presidente, Roberto Fontelles, e demais diretores.

Na visita técnica ao laboratório pernambucano, o secretário conheceu a estrutura do almoxarifado de material de embalagem, central de pesagem, sistema de tratamento de água, divisão de sólidos, controle de qualidade e ótica. “Foi uma boa surpresa. Uma unidade bem administrada, que segue os padrões de boas práticas. Uma estrutura muito organizada, com elevado padrão e bem servida de equipamentos”, disse o secretário ao final da visita.

“Mostra o comprometimento do Governo de Pernambuco com os planos apresentados. É uma grande plataforma de startup no campo farmacêutico, promovendo pesquisa no campo específico. O Lafepe tem tudo para ser âncora do segmento, na região”, complementou.

Durante a visita do secretário Marco Fireman, também foram apresentados os investimentos realizados e os projetos previstos para a expansão de áreas e, consequentemente, de produção de medicamentos. A médio prazo, o plano Lafepe contempla a iniciação de novos projetos de Parcerias para o Desenvolvimento Produtivo (PDP’s) para produção do Ritonavir termoestável 100mg, Tenofovir + Lamivudina 300 + 300mg (2 em 1) e Tenofovir + Lamivudina + Efavirenz 300 + 300 + 600mg (3 em 1); além da retomada da fabricação da Vitamina C 500mg – comprimido.

E, a longo prazo, o planejamento do Lafepe prevê a prospecção de novas PDP’s para medicamentos de alto custo e o desenvolvimento de novos medicamentos do componente básico: omeprazol, enalapril, metformina, sinvastatina, losartana, atenolol, dentre outros.

A Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde é responsável pela implementação das políticas de assistência farmacêutica, de avaliação e incorporação de tecnologias no Sistema Único de Saúde (SUS) e de incentivo ao desenvolvimento industrial e científico do setor. No âmbito da ciência e tecnologia, a Secretaria é responsável pelo estímulo ao desenvolvimento de pesquisas em saúde no país, de modo a direcionar os investimentos realizados pelo Governo Federal às necessidades da saúde pública.

foto-1-img_20160912_105906096